<< Blog do Dé >>

"Somos todos iguais, braços dados ou não"

Confie... as coisas acontecem na hora certa.
As coisas acontecem exatamente quando devem acontecer!

Momentos felizes, louve a Deus.
Momentos difíceis, busque a Deus.
Momentos silenciosos, adore a Deus.
Momentos dolorosos, confie em Deus.
Enfim...
Em Cada momento, agradeça a Deus.

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Só Tu tens Palavras de Vida Eterna



A quem iremos nós? A quem daremos ouvidos?
"Só tu tens palavras de vida eterna".
Essa foi a resposta do apóstolo Pedro em João 6: 68, que veio mostrar de modo tão claro a quem a humanidade deveria recorrer e confiar.
Num mundo cheio de ideais de liberdade e incertezas, o líder da Igreja declarava em definitivo a Palavra de salvação para a humanidade: Jesus Cristo, o Verbo encarnado.

A boca que proferiu essa resposta, seria aquela que continuaria a dar respostas às questões dos homens: "Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra ela". (Mateus 16: 18)

Na visita de Bento XVI ao Brasil, eu estava assistindo pela TV o evento que aconteceu no estádio do Pacaembu em São Paulo.
Vi jovens erguendo faixas com dizeres: "100% católico" ou "Sou feliz por ser católico"...
Muitos jovens diziam terem ficado surpreendidos com a pessoa do Papa.
E testemunhavam : "Que pessoa atenciosa e carinhosa!"
Porém, alguns desses mesmos jovens chegaram a dar entrevistas para TV, dizendo:
"Sou católico, gostei muito do Papa Bento XVI, mas não concordo com tudo o que ele fala ou defende". E outros afirmavam: "Não penso assim quanto ao aborto".
Fiquei perplexo com o que eu via. E já não acreditava no que eu estava ouvindo.

Aliás, quantos artistas e personalidades também dizem "Sou cristão", mas às vezes não sabem que para serem chamados de cristãos, precisam aceitar a Cristo e seu propósito:
- A defesa da vida (contra o aborto, a eutanásia, manipulação de vidas em laboratório);
- A castidade como método eficaz de prevenção de doenças sexualmente transmissíveis;
- Honestidade nas questões políticas em favor da justiça social...

Por outro lado, muitos que vivem dentro das nossas igrejas, chamados a conduzir um povo, continuam promovendo divisões, criticando os seus irmãos em nome da fé. Enquanto fazem isso, o propósito de Cristo que ressoa na boca do apóstolo segue em busca de terra fértil, onde possa dar bons frutos.

Bento XVI, o papa "linha dura", assim comentado pela imprensa, há pouco tempo fez uma declaração que incomodou a "linha conservadora":

A fé cristã não nasce do acolhimento de uma doutrina, mas antes do encontro com uma Pessoa: com Cristo morto e ressuscitado.
Na nossa existência quotidiana são tantas as ocasiões para comunicar aos outros a nossa fé de um modo SIMPLES e CONVICTO.
E é urgente que homens e mulheres da nossa época conheçam e se encontrem com Cristo, e graças também AO NOSSO EXEMPLO, se deixem conquistar por Ele”.

Chegou a dizer incansavelmente em todos os lugares que é urgente dar testemunho antes de tudo e com coisas simples, como a unidade entre os cristãos.
É urgente ser cristão, antes de dizer "sou de Apolo" ou "sou de Cefas".
E a Palavra segue ressoando essas evidências:

"Vede, irmãos, o vosso grupo de eleitos: não há entre vós muitos sábios, humanamente falando, nem muitos poderosos, nem muitos nobres.
O que é estulto no mundo, Deus o escolheu para confundir os sábios; e o que é fraco no mundo, Deus o escolheu para confundir os fortes; e o que é vil e desprezível no mundo, Deus o escolheu, como também aquelas coisas que nada são, para destruir as que são.
Assim, nenhuma criatura se vangloriará diante de Deus.
É por sua graça que estais em Jesus Cristo, que, da parte de Deus, se tornou para nós sabedoria, justiça, santificação e redenção, para que, como está escrito:
quem se gloria, glorie-se no Senhor (Jr 9,23)".
(1Cor 1: 12; 26-31)

Como doutrinar corações que ainda não conquistamos?
Como convencer alguém de algo que nós experimentamos e cremos?
Os valores da nossa Igreja precisam ser defendidos ou amados?
O que mais convence: defender ou amar?

Particularmente não vejo o papa como linha dura e não me espanto com as "novidades" que ele diz. Vejo o Papa Bento XVI simplesmente trazendo e retomando os valores da MAIOR NOVIDADE em toda a história: a BOA NOVA, o Evangelho de Jesus Cristo.
Em meio a tantas vozes e bandeiras levantadas em nosso tempo, se temos que ouvir alguém e dizer quem tem a razão, certamente precisa ser aquele que diz:
"Só tu tens palavras de vida eterna".

No amor que nos une,

Walmir Alencar


Fonte: http://www.adoracaoevida.com/destaques/dest07.php

Comentários: Retiro APA 2008 chegando e to me preparando para esse grande momento. Hoje posso dizer como o Apóstolo Paulo: "combatendo o bom combate". Algumas coisas acontecem e tenho que frear isso. Não adianta levar adiante. Basta! Quero viver e não me preocupar com certas coisas. Não mereço isso. Pelo menos eu acho!

Deus abençoe a todos!

Um comentário:

Grupo de Oração disse...

SALVE MARIA!

Meu irmão..
Refletindo sobre seu post percebo que é isso mesmo.. Só Jesus, só nele é que podemos seguir cegamente, só ele tem palavras de SALVAÇÃO. Ele que realmente sabe o que é humildade pois sabe o real sentido do PERDÃO!

Se te decepcionas ñ baixe a cabeça, pelo contrário.. Olhe e veja que vc tem DEUS no coração!
=)

André meu brother vc é muto especial p mim e aidna mais p ele, o PAI!

conta cmigo!
PAZ & BEM!

ps: É hojeeeee.. APA!
oaioaiaaoaoia